Av. Alan Turing, nº 805 - Barão Geraldo – Campinas

FACAMP integra o Hub Internacional de Desenvolvimento Sustentável – HIDS

O HIDS propõe um distrito modelo de desenvolvimento urbano sustentável e inteligente na forma de laboratório vivo. A intenção é promover a urbanização do território integrada à natureza e aos objetivos para o desenvolvimento sustentável da agenda global estabelecida pela ONU.

O convênio para a criação do “Hub Internacional de Desenvolvimento Sustentável de Campinas” (Hids) ou “Zona Franca do Conhecimento” foi assinado no dia 27 de dezembro, pelo prefeito Jonas Donizette. A área de planejamento do hub envolve os campi da Unicamp (incluindo Fazenda Argentina), da PUC-Campinas, da Facamp e de todo o território do Ciatec II – Polo de Alta Tecnologia, com 8,8 milhões de metros quadrados, totalizando 11,3 milhões de metros quadrados.

“Campinas é uma das poucas cidades que têm potencial para um projeto como este. Esta etapa de planejamento é fundamental para quando, de fato, for efetivado, ter sucesso na implantação e dar muitos frutos. Todas as áreas estão sendo abordadas nesse projeto, como preservação ambiental, energia limpa e direitos humanos, por exemplo. Uma cidade inteligente vai além da parte tecnológica, é necessário reverter isso em qualidade de vida à população”, disse o prefeito, Jonas Donizette.

Planejamento

O Hids está sendo planejado com um complexo de laboratórios vivos no qual governo, empresas, universidades e instituições de pesquisa formarão parcerias para testar tecnologias e/ou produtos que auxiliem no cumprimento dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, com forte potencial para encomendas específicas de governos, de diversas esferas, em temas estratégicos, como água, energia, mobilidade e resíduos.

Para apoiar o processo de elaboração de um master plan do Hids, o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) está investindo US$ 1 milhão, por meio de um convênio com a Prefeitura de Campinas e a Unicamp. Uma equipe de planejamento, coordenada pela Unicamp, já deu início à elaboração desse plano. A ocupação dessa área é uma oportunidade de explorar iniciativas para promover, atender e incentivar a agenda 2030, da ONU (Organização das Nações Unidas), com os 17 objetivos do desenvolvimento sustentável.

Fonte: Agência Anhanguera

Related Posts

Leave a comment

You must be logged in to post a comment.
× Olá! Como podemos ajudar?